Amamentar na volta ao tabalho!

A amamentação é um dos assuntos que mais chamam atenção das mamães, medo de não conseguir amamentar, dores e dificuldade, depois que tudo esta indo bem, a licença acaba e temos que nos adaptar aos novos horários.

Nessa hora, muitas mamães param de dar de mamar, muitas não tem tempo de ficar tirando o leite para oferecer ao bebê e optam pela mamadeira, outras conseguem conciliar muito bem, esse foi o caso da Ellen do perfil @mae_dedois e hoje ela veio aqui no meu espacinho para os amigos contar um pouco para a gente!

“Olá! Me chamo Ellen e tenho 27 anos. Sou mãe do Luiz de 8 anos e da Luiza de 9 meses.
Trabalho com comércio exterior em uma multinacional no Vale do Paraíba.
Fui mãe pela primeira vez aos 19 anos e até então nunca tinha parado para pensar sobre amamentação.

Ellen e sua princesa Luiza!

Momento mágico com a filha!

Ninguém nunca tinha me dito sobre o que poderia acontecer, como o bico rachar, sangrar, das dores e foi o que aconteceu. Fiquei desesperada mas deu tudo certo! Na época eu não trabalhava e então consegui amamentá-lo até os 11 meses. Ele parou por conta própria, simplesmente um dia não quis mais.

Quando fiquei grávida pela segunda vez, com mais maturidade e conhecimento, já tinha a certeza que queria muito amamentar também.

Com a Luiza foi bem mais tranquilo. Nada de dores!

Confesso que no primeiro mês estava esgotada de ter que acordar para amamentar e até pensar em desistir num momento de cansaço me passou pela cabeça. Mas depois esse pensamento passou.

Uma coisa era certa: voltaria ao trabalho e queria muito continuar amamentando. Mas como iria oferecer o leite? Copinho? Colher?

Acabei optando pela mamadeira para não dar tanto trabalho para minha sogra.

Então quando estava de licença tirava o meu leite às vezes e oferecia para ela para que já fosse se acostumando.

Retornei ao trabalho quando ela tinha 5 meses e desde então tiro leite todo dia e levo para casa.
Confesso que é um processo bem cansativo mas por ela faço isso com muito amor.

Eu amamento antes de ir trabalhar e então ela mama o leite materno de manhã na casa da minha sogra ( o que retiro no serviço), mama 2 mamadeiras de NAN e então amamento quando chego do trabalho, à noite e de madrugada.

Espaço mamãe da Erisson Telecomunicações São José dos Campos onde Ellen trabalha!

Todo trabalho poderia ter um desses, não!?

Ela mama mais leite materno do que o artificial e acredito que por isso não desmamou.
Pensei que seria impossível continuar amamentando mas graças à Deus está dando certo.
Luiza fez 9 meses dia 01/05 e já come come frutas e comidas de acordo com sua idade.

Então mamães, se vocês querem muito continuar amamentando, não desistam!

Leite materno é o melhor leite, sem contar no vínculo que vocês continuam tendo mesmo ausente  trabalhando fora.

Um beijo!

Ellen”

Gostou!?

Beijos

Lily

Related Post