Orquídeas parte III – As doenças e como evitá-las!

Boa tarde! Conforme falamos semana passada, hoje será nossa última parte da matéria sobre orquídeas com os problemas e soluções que podem surgir em seu cultivo.

As orquídeas são plantas resistentes e não são muito suscetíveis a problemas que na maioria das vezes surgem devido a técnicas inadequadas de cultivo, assim passaremos algumas regras para evitar problemas.

Regras básicas para evitar as doenças

-Atenção ao manusear a planta evitando danificar  as folhas, hastes, flores e raízes;

-Evitar deixar a parte aérea da planta molhada durante a noite;

-Manter as plantas em local ventilado;

-Retirar e substituir toda parte do substrato que apresente sinais de podridão ou mofo;

-Utilizar ferramentas limpas e esterilizadas;

-Evitar regas durante as horas mais quentes do dia;

-Após o transplante com corte de raízes mortas esperar uma semana para fazer a rega, isso permitirá que as raízes cicatrizem.

-Quando se tem muitas orquídeas evitar que elas fiquem em contato direto para que não haja contaminação entre elas caso alguma planta esteja doente;

Agora que vocês já sabem os cuidados básicos para evitar as doenças mas, mesmo assim, tem alguma planta doente vamos conhecer as doenças e seus tratamentos.

DOENÇAS NÃO PARASITÁRIAS DAS ORQUÍDEAS

Folhas caindo

Normalmente estão ligadas ao excesso de umidade, verifique o vaso ou diminua as regas.

Crescimento fraco e queda de flores

Pouca rega.

Folhas pouco brilhantes e opacas

Pouca umidade no ambiente, colocar a planta em local que tenha mais umidade.

Planta não floresce

Falta de iluminação, mude a planta de lugar.

Folhas queimadas

Excesso de luminosidade e Sol, as queimaduras são muito perigosas pois representam uma porta de entrada para muitas doenças. Corte a folha e mude a planta de lugar.

DOENÇAS PARASITÁRIAS DAS ORQUÍDEAS

Cochonilhas

doenças em orquídeas, prevenção e tratamento doenças em orquídeas, prevenção e tratamento doenças em orquídeas, prevenção e tratamento doenças em orquídeas, prevenção e tratamento

As folhas apresentam pontos escuros ou claros e o parasita têm uma aparência de algodão e se soltam facilmente quando passamos o dedo ou unha sobre ele.

Combate– Retirar os parasitas com esponja e álcool e lavar as folhas com água e sabão neutro, após secar bem a planta com pano. É possível utilizar inseticidas específicos para cochonillas.

Púlgões

Orquídeas murcham e apresentam manchas necróticas

As folhas amarelam e os botões ficam deformados. Podem surgir uma espécie de melado sobre as folhas.

Os pulgões são facilmente visíveis e devem ser combatido imediatamente porque são veículos de vírus que não tem cura se transmitidos a planta.

Combate– Deve ser feito com inseticidas específicos.

Aranha vermelha

A planta apresenta pequenos pontos descoloridos na folhas e uma pequena teia. O problema surge devido a falta de umidade no ar.

Combate– Aumentar a freqüência em que se vaporiza a planta com água, em caso muito graves utilizar inseticidas específicos.

doenças em orquídeas, prevenção e tratamento

DOENÇAS CAUSADAS POR FUNGOS

A maioria das doenças causadas por fungos são decorrentes de má condição de cultivo como substrato que retém muita água, excesso de umidade, pouca ventilação e temperaturas muito baixas. Tendo o cuidado de evitar essas condições raramente suas plantas sofrerão de doenças causadas por fungos

Podridão negra em folhas, pseudobulbos e raízes

doenças em orquídeas, prevenção e tratamento

As folhas apresentam manchas marrons grandes, as vezes circundadas por um amarelo.

Normalmente é causada por excesso de umidade e se atingem os pseudobulbos e as raízes a planta morre.

Podridão em folhas e flores

doenças em orquídeas, prevenção e tratamento

A planta apresenta manchas arredondadas. Normalmente é causada por excesso de umidade.

Seu combate é feito com Ditiocarbamatos e a Benzimidazol

Presença por toda parte aérea da planta de manchas escuras arredondadas e claramente separadas por partes saudáveis da planta

Normalmente é causada por excesso de umidade, com uma boa ventilação ao redor da planta essa doença raramente poderá ser evitada.

Combate– é feito eliminando toda a parte contaminada da planta e com o uso de ditiocarbamatos, clorotalonil ou benzimidazólicos.

Manchas escuras e irregulares em grande parte das folhas

Normalmente é causada por excesso de umidade, com uma boa ventilação ao redor da planta essa doença raramente poderá ser evitada.

Combate– é feito eliminando toda a parte contaminada da planta e com o uso de ditiocarbamatos, clorotalonil ou benzimidazólicos.

doenças em orquídeas, prevenção e tratamento
DOENÇAS CAUSADAS POR BACTÉRIAS

Essas doenças em sua maioria são evitadas utilizando ferramentas limpas e esterilizadas e assim seu combate é preventivo.

doenças em orquídeas, prevenção e tratamento

DOENÇAS CAUSADAS POR VÍRUS

A transmissão ocorre principalmente pelo uso de ferramentas não limpas ou esterilizadas. Combate: Essas doenças não tem cura e portanto o combate é preventivo.

doenças em orquídeas, prevenção e tratamento doenças em orquídeas, prevenção e tratamento doenças em orquídeas, prevenção e tratamento

Amigos leitores, com essa matéria encerramos o assunto sobre orquídeas, claro que há sempre muito a aprender, mas nesse conjunto de três publicações tentamos abranger os mais importantes dados sobre o cultivo dessa linda planta.

Abraços:

Marcus

 

PS; Post escrito pelo maridão que adora jardinagem e paisagismo!

Outros posts sobre o assunto:

Orquídeas 1: Como cultivar Orquídeas

http://www.casadalily.com/como-cultivar-orquideas-parte-i/casa; casa,

Orquídeas 2:  Informações Técnicas

Orquídeas parte II: Informações técnicas!

 

 

 

Related Post